Domingo, 13 Setembro 2015 09:58

O Espelho

Postado por 
Avalie este item
(13 votos)
Foto: Mila Petrillo. Design: Hermusche. Foto: Mila Petrillo. Design: Hermusche.

O Espelho é uma instalação sonora e cênica a qual inspira-se, em parte, no conto homônimo de Machado de Assis. A concepção é do artista sonoro Iain Mott e da performer Simone Reis, com objetos e pinturas do artista plástico Nelson Maravalhas e vídeo de Alexandre Rangel. O Espelho investiga os jogos de engano que podemos aplicar à nossa identidade. A instalação usa uma mistura de tecnologias de áudio contemporâneas, vídeo e ilusões visuais do século XIX, juntamente com performance pré-gravada e composição eletroacústica. A instalação é construída para a experiência solitária de um único indivíduo, conforme o conto original. De importância particular neste trabalho, é investigar a ideia de como o som, a voz e a escuta funcionam ontologicamente ao lado de representações visuais do eu.

Os personagens de Simone Reis são projetados como “Pepper's Ghosts” numa sala falsa sendo contíguos à instalação acessível pelo público. Esta técnica do teatro do século XIX, trata-se de vidro angulado posicionado num palco ou diorama para proporcionar a ilusão que o espaço é ocupado por uma figura fantasmagórica. Em nossa instalação, a sala falsa é igual ao espaço da instalação, porem todos os móveis, todos as pinturas e objetos nas paredes de Nelson Maravalhas são arrumados em imagem espelhada. O visitante vê as projeções de vídeo e a sala falsa como se fossem um reflexo. Isso acontece por meio de um espelho falso na parede, um vidro simples numa moldura. Além disso, um “audio spotlight” (um alto-falante especial) produz o que estão experienciado como se fossem sons dentro da cabeça. Estes sons correspondem à voz do reflexo falso de Simone. Outros sons representando as memórias, os pensamentos e as fantasias dos personagens (e por implicação, o visitante), rodeiam o ouvinte sentado e são projetados no espaço por meio de um sistema de som “ambisônico”, envolvendo vários alto-falantes.

CCBB, Brasilia, de 14/7 a 16/9, 2012 - Galeria de Artes Van Gogh, Sobradinho, de 21/9 a 21/10, 2012 - Teatro Newton Rossi, SESC Ceilândia, de 26/10/2012 a 26/1/2013.

Elenco

O Espelho é feito pelo artista sonoro Iain Mott e pela atriz/performer Simone Reis em colaboração com outros incluindo: artista plástico Nelson Maravalhas, videomaker Alexandre Rangel, o dramaturgo Camilo Pellegrini, iluminadora e arquiteta Jamile Tormann, figurinos Cyntia Carla e Simone Reis. A produção é por Alaôr Rosa e Arte Viva Produções. Patrocinado pelo Banco do Brasil e (FAC) Fundo de Apoio à Cultura da Secretária de Estado de Cultura do Distrito Federal. Realização Centro Cultural Banco do Brasil.

Concepção de instalação: Iain Mott
Diretores artísticos: Iain Mott e Simone Reis
Roteiro: Simone Reis, Iain Mott e Camilo Pellegrini
Curadoria: Simone Reis e Iain Mott
Composição e atuação de performance: Simone Reis
Direção de cena: Simone Reis, Iain Mott e Camilo Pellegrini
Composição e sonoplastia: Iain Mott
Diretor de fotografia e vídeos: Alexandre Rangel
Programador de sistemas de computador: Iain Mott
Iluminação e cenografia: Jamile Tormann
Pinturas e objetos: Nelson Maravalhas
Fotografia: Mila Petrillo/Rayssa Coe/W. Hermusche
Assistência de direção: Luara Learth
Maquiagem: Raphael Balduzzi
Assessoria de Comunicacao: Rodrigo Machado, Territorio Cultural Assessoria de Comunicacao
Coordenação de projeto, produção e direção de produção: Arteviva Produções/Alaôr Rosa e Fernanda Oliveira
Produção executiva: Nalva Sysnandes

Agradecimentos

As seguintes pessoas e grupos são imensamente reconhecidos pela sua contribuição para a concepção e desenvolvimento do projeto:

Antonia da Silva Reis, Carlos Lin Silva, Celso Araújo, Cláudia Gomes, Dalton Camargos, Davi Reis, Departamento de Música e Departamento de Artes Cênicas do Instituto de Artes da UnB, Fons Adriaensen, Greg Schiemer, Guilherme Reis e Espaço Cena, Guillaume Potard, Jim Sosnin, Luís Augusto Jungmann Girafa, Marc e Elizabeth Raszewski, Marília Panitz, Núcleo de Vivência da UnB, Odila Bohrer, Olive Maureen Mott, Renata Azambuja, Stephen Barrass, Zé Celso Martinez Correia.

Software

Puredata com iem_ambi, iemlib, iemgui, pduino, ggee, zexy e room_sim_2d, além de Jack, Ardour, Ambdec, Jconvolver, Qutecsound, Rosegarden, Xjadeo e Final Cut Pro.

Hardware

Computador com sistema Linux, LCD TV, RME Multiface, alto-falantes Bose FreeSpace, Audio spotlight de Holosonics, Lanbox/dimmers/luzes, Roteador Netgear, Arduino e sensor de pressão.

Lido 1680 vezes Última modificação em Sexta, 23 Outubro 2015 18:58

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Artigos Novos e Notícias